domingo, 1 de agosto de 2010

Meu blefe





Te amar é meu blefe, te seduzir é meu pecado
Seu gosto é meu desejo, se você fala pra eu não ir
Aí que eu vou, sua boca na minha.

Mentir é te ter, te ouvir é meu dom
Te comer é minha fome, se você fala pra eu ficar
Daí que corro pra seu ombro, sua boca é a minha.

Minha loucura é ser sua, te procurar é meu delírio.
Chegar à sua casa é fácil, se você não quiser que eu entre
Aí, já fechei a porta, sua boca é minha.

Meu blefe
Débora Corn

2 comentários:

  1. Adoooreei Essa Poooesiaa.!
    Parabéns Proofessora.
    Beijooo. Jéssica.!

    ResponderExcluir
  2. Oi minha querida! Que bom vc por aqui... Beijooo!

    ResponderExcluir